Magnésio Transdérmico - Dr. Sircus | Brazil

Magnésio Transdérmico

O mineral magnésio é necessário para a vida, é considerado um macromineral, por isso é importante aproveitar todos os métodos eficazes de utilização. Um suprimento adequado de magnésio é essencial para uma gravidez e lactação saudável, bem como em pacientes com diabetes e pré-diabetes, aliás, a maior parte da população mundial é deficiente, ou seja, magnésio deve ter a atenção de todos. A suplementação também é muito útil quando tomamos medicamentos como diuréticos e inibidores da bomba de prótons(omeprazol). Sempre digo que todas as vias de administração de magnésio devem ser buscadas para reposição imediata, especialmente para quem têm doenças graves e/ou câncer, pois a depleção de nossos níveis acontece quando não conseguimos ter uma alimentação que supre tudo que necessitamos.

Alguns cientistas acreditam que a capacidade de absorção de substâncias pela pele é muito limitada. Agora lhes direi com prática de anos! A maioria das pessoas que usam óleo de magnésio por via transdérmica, experimentam em poucos minutos uma realidade que cientistas não acreditam, um rápido alívio de dor, benefícios tanto locais como sistêmicos. Já outros cientistas médicos temem que um tratamento ou reposição do magnésio poderia ser realizado apenas por via transdérmica. Assim sendo, a maioria ainda não recomenda esta prática de aplicação de magnésio por via transdérmica.

Cloreto de magnésio e vitamina C têm perfis de toxicidade semelhantes
com a overdose de ambos, na pior das hipóteses ocasionaria apenas
uma diarreia, contanto que você não tenha problemas renais

Em momentos críticos, quando nossas vidas estão ameaçadas como em uma parada cardíaca, a injeção e administração intravenosa de magnésio pode salvar a vida de uma pessoa. Caso contrário, se você ainda está em casa se mexendo como uma pessoa comum, a suplementação por via oral deve ser iniciada e aumentada conjuntamente com a utilização do magnésio de forma transdérmica através da aplicação direta na pele (a massagem aumenta ainda mais a eficácia desse tratamento) e através de banhos quentes.

Um dos tratamentos médicos mais luxuosos do mundo é receber massagens com óleo de magnésio, melhor ainda quando feita de forma consistente. Ter pelo menos 30 g ou ml de óleo de magnésio em todo o corpo sendo massageado por um massoterapeuta ou por um parente é simplesmente indescritível. Também é possível fazer a utilização sozinho, ou seja, cobrir o corpo com o óleo de magnésio, como se fosse um protetor solar, você poderia aplicar em sua pele, sair ao sol para se divertir ou fazer exercícios físicos.

Apenas a aplicação transdérmica de magnésio não é a melhor maneira de reabastecer rapidamente os níveis celulares de magnésio, especialmente quando é necessário tratar constipação ou em situações de emergência como em UTI e em centros de emergência. No entanto, ao aplicar magnésio diretamente nos tecidos através da pele, o magnésio é rapidamente transportado para as células do corpo, tendo eficácia especial nos tecidos próximos a aplicação, reduzindo assim dores locais pelo seu efeito anti-inflamatório e pelo poder relaxante.

A absorção transdérmica de magnésio é eficaz, diferenciada e muito segura apresentando menos efeitos colaterais do que por via oral, uma vez que sua absorção não acontece pelo trato gastrointestinal. A pele é o maior órgão do corpo, cobre cerca de 1,8 m² e compreende aproximadamente 10% da massa corporal total de um adulto. Assim, podemos obter magnésio facilmente em nosso corpo utilizando este órgão grande como a pele. Imagine você relaxando em um banho quente com quilos de magnésio (bicarbonato também) acumulando um mineral essencial no corpo através da absorção por cada poro e célula que a superfície da pele possui.

A concentração de magnésio em um óleo puro é de aproximadamente 80.000 mg / l, e quando você aplica diretamente na pele, a taxa de absorção é alta suficiente para fazer uma grande diferença em seus níveis celulares. Caso você faça um banho com minerais, minha recomendação é de 1500 a 5000 mg / l de magnésio (equivalente ou maior que a concentração do mar). O Mar Morto tem uma concentração de até 40.000 mg / l de magnésio e as pessoas tomam banho diariamente nessas águas em busca de terapia pela sua riqueza. Fick com a Lei de Permeabilidade da Membrana, afirma que a quantidade de qualquer soluto (magnésio) que será absorvido depende diretamente da área de contato, da concentração da solução e do tempo em que o soluto está em contato com a membrana(pele).

Os primeiros estudos sobre absorção transdérmica de magnésio foram publicados em 2000 pelo Norman Shealy ao qual foi o fundador da Associação Americana de Medicina Holística. Shealy argumentou que uma deficiência de magnésio pode ser compensada pela aplicação transdérmica em 4 a 6 semanas, enquanto uma suplementação oral é eficaz apenas após 4 a 12 meses. Um estudo recente de 2016 afirma e sustenta que os íons de magnésio são capazes de penetrar através dos folículos capilares no corpo humano e a quantidade absorvida depende do tempo de exposição/contato.

Outro estudo citado prova que a absorção transdérmica de magnésio é definitivamente uma metodologia simples, econômica e eficiente para aumentar os níveis celulares de magnésio, o estudo tem duração de 12 semanas e envolveu um total de nove pacientes com idades entre 22 e 69 anos. No final do tratamento, uma análise do cabelo foi realizada, todos os pacientes, exceto um, tiveram um aumento significativo de magnésio intracelular variando de 7,1% a 262%.

Um estudo semelhante para provar a absorção transdérmica de magnésio foi um exame de Waring da Universidade de Birmingham, no Reino Unido, onde 19 indivíduos foram submetidos a um banho de corpo inteiro (temperaturas de 50 a 55 ° C) por 7 dias em uma solução de sulfato de magnésio (sal Epson) por 12 minutos. Todos, exceto três, mostraram um aumento nas concentrações de magnésio no plasma.

Você pode aprender a fazer um óleo caseiro de forma super barata, mas os produtos de magnésio da Ancient Minerals ainda são os meus favoritos, já utilizo a mais de 10 anos, sempre importei pela diferença em não ser sintetizado em laboratório. Ajudei esta empresa a ser a primeira a importar óleo de magnésio diretamente do mar subterrâneo de Zechstein, onde se encontra o magnésio da mais alta qualidade do mundo. Embora existam loções e flocos para banhos, o óleo de magnésio é o que mais utilizo porque pode ser utilizado de todas as formas possíveis, inclusive por via oral.

Cada spray de óleo de magnésio contém aproximadamente 18 miligramas de magnésio elementar. 30 g ou ml conteria um pouco mais que 3.300 mg. Portanto, cinco pulverizações em um copo de água lhe daria quase 100 miligramas. Costumo recomendar três, cinco a dez pulverizações de cloreto de magnésio em um copo de água ou em suco natural, esta é uma excelente maneira de tomar magnésio oralmente. Ajudará na digestão, neutralizará o excesso de acidez no estômago e fornecerá magnésio rapidamente em sua corrente sanguínea, assim terá distribuição em todas a células do seu corpo. Minerais como magnésio na forma líquida iônica são melhores que formas sintéticas. Muito mais magnésio será absorvido e a absorção não dependerá tanto dos níveis de ácido clorídrico.

Um banho terapêutico, exclusivamente nos pés, uma imersão, é outra opção e é especialmente importante para diabéticos que sofrem de neuropatia diabética. Pode mergulhar o corpo inteiro, ou apenas os pés em água com magnésio diluído por 20 a 30 minutos, a uma temperatura de cerca de 108 graus. O protocolo mais eficaz para esta terapia é começar a banhar os pés todos os dias durante 7 dias (começando em concentrações mais leves e aumentando gradativamente) e depois continuar com um programa de manutenção com banhos de 2 a 3 vezes por semana durante 6 a 8 semanas ou mais. Cuidados especiais devem ser tomados com as crianças, observar e monitorar as doses/frequência, temperatura da água e concentrações de magnésio. Espasmos musculares podem ocorrer, porém é um efeito colateral raro, apenas quando alguém esquece de sair da banheira, por isso é necessário supervisionar as crianças e o tempo que elas permanecem imersas em cloreto de magnésio. Qualquer sinal de reação, como vermelhidão nas áreas aplicadas ou espasmos musculares, a indicação é reduzir a concentração.

Autor: Dr. Mark Allan Sircus

Tradução e adaptação por Dr. Maurice T. G. Sircus, Nutricionista e Educador Físico